ICE EXPLORER – CANADÁ

Faltando apenas 24 horas para começar o retorno a Vancouver, partimos rumo ao Ice Explorer na Columbia Glacier e uma parada em mais um Lago.

Finalmente chegou o momento mais esperado de muitos estrangeiros de países tropicais da viagem: ver neve pela primeira vez!!!

Mesmo durante o verão e a semana de 35 graus ou mais, o principal sinal do frio canadense continuava lá. O cenário era formado por montanhas (só pra variar) com neve no topo e gelo no chão.

canadá, intercâmbio

Como dá para perceber, não estava nevando e mesmo assim tinha mais gelo do que tudo!!! Uma coisa interessante do Icefield, é que lá é uma das fontes naturais de água do Canadá.

Se você levar uma garrafinha de agua vazia, é possível enchê-la de água limpa e pura.

canadá, vancouver, intercâmbio, rocky mountains canadá, vancouver, intercâmbio, rocky mountains

Um passeio alucinante numa das maiores geleiras do mundo, a famosa Columbia Icefields!

canadá, vancouver, intercâmbio, rocky mountains

No mesmo dia, passamos pelo PEYTO LAKE um outro Lago muito famoso e lindo demais, pena que vemos somente de longe no Mirante…  é os Canadenses não facilitam a descida justamente para preservar o Meio Ambiente dali.

canadá, vancouver, intercâmbio, rocky mountains

Saindo de lá, o último visual por BOW LAKE… e após 4 dias cansativos de viagem, cada trilha e caminhada valeu a pena para conhecer um pouco das pinturas indescritíveis que o Canada tem, além da galera irada que eu conheci por la de todo lugar do Mundo !!!

Foi uma experiência incrível viver naquele País que sempre quis conhecer quando saísse do Brasil pela primeira vez e valeu a viagem toda, conheci cidades lindas paisagens que jamais imaginava. O restante do intercâmbio também foi recheado de surpresas em outras cidades do território canadense, tais como Whistler, Tofino e Calgary, centros urbanos menores com belas paisagens, entre montanhas, estações de esqui, lagos e cachoeiras.

Apesar do pouco tempo, fiz muitas amizades, vivi cada momento intensamente, aprendi muito e não tinha como ser diferente, viajar nos reconecta com o fluxo do universo, porque nos faz sentir vivos, vibrantes, curiosos, interessados, surpresos, gratos, humildes, como deveríamos ser em todos os dias de nossas vidas!

Viagens são professores. É um atalho para se chegar lá com mais facilidade.

rocky mountains

Deixe seu comentário =)

Comentários