QUEBRANDO MITOS DO TREINAMENTO – PARTE 1: NÃO QUERO FICAR MUSCULOSA!

A partir dessa semana irei discutir alguns temas comuns relacionados ao treinamento desportivo que, com a velocidade e a facilidade na comunicação, acabam se espalhando e se tornando mitos. Atualmente qualquer pessoa pode falar sobre qualquer assunto nas redes sociais e ser confundido com um especialista. Na área da Educação Física me parece ainda pior, o que dá espaço aos oportunistas e irresponsáveis.

Com o crescimento do número de mulheres que se interessam em fazer um trabalho de hipertrofia muscular, principalmente guiadas pelas mídias que induzem novos padrões de beleza (quantas delas tem como modelo as paniquetes, bbb’s e blogueiras fitness?), surgiu um tema que se tornou comum: a preocupação do público feminino em ganhar massa muscular em excesso, ao ponto de se tornarem masculinizadas. De cada 10 mulheres que iniciam um programa de treinamento, pelo menos a metade levanta essa questão.

Treinamento funcional, treino funcional na mooca, surf treino, treino para o surf, treinamento para surfistas, pilates na mooca, pilates para o surf, treino surf equilibrio

Mas será que é assim tão comum e fácil ganhar massa muscular? Definitivamente não! 

O trabalho de hipertrofia muscular depende de uma série de fatores para ser bem sucedido. Além de um treinamento forte, com sobrecargas altas (e muito sacrifício), existe a questão da alimentação, do descanso e da suplementação.

Entretanto existe um ponto fundamental que sozinho praticamente invalida esse mito: as diferenças hormonais entre homens e mulheres. Os homens tem mais facilidade em ganhar massa magra pois seu organismo produz grandes quantidades de um hormônio chamado testosterona. O papel anabólico da testosterona define as diferenças entre homens e mulheres na massa e força musculares.

Treinamento funcional, treino funcional na mooca, surf treino, treino para o surf, treinamento para surfistas, pilates na mooca, pilates para o surf, treino surf equilibrio

Resumindo: se para um homem que treina pesado, diariamente, que cuida da dieta, da suplementação e do descanso, além de já ter nascido com uma predisposição genética, já é bem difícil ganhar massa muscular, sem dúvida para uma mulher é ainda mais complicado.

– Professor, e essas mulheres musculosas que a gente vê na mídia?

Não se iluda! Elas treinam forte, regularmente, fazem uma dieta especial, geralmente tem um profissional que faz uma programação específica para hipertrofia muscular e, na maioria dos casos, elas contam com ajuda de anabolizantes e outras substâncias que, embora proibidas, ainda podem ser facilmente encontradas.

 – Mas professor, eu ganho músculos muito facilmente. Mal eu começo a treinar e meus braços já engrossam.

Isso tem uma explicação simples. Quando você inicia um programa de treinamento, sobretudo na musculação, em pouco tempo a musculatura começa a adquirir uma consistência mais firme. Existe uma camada adiposa entre a pele e os músculos e se a pessoa tem um excesso de gordura localizada, ela vai ficar mais evidente.  Ou seja, seu braço não está ficando musculoso demais, simplesmente essa gordura localizada está aparecendo  mais. A alternativa é tentar diminuir esse excesso de gordura.

Então faça seu treino da forma mais intensa possível e não se preocupe. Garanto que o máximo que pode acontecer é o seu corpo ficar mais modelado e funcional.

demetrio ferrari

 

Prof. Demétrio Ferrari, bacharel em ed. física, pós-graduado em treinamento desportivo, especialista em treinamento funcional e personal trainer desde 2005. Semanalmente esse espaço trará artigos com dicas sobre saúde e treinamento.

 

 

Deixe seu comentário =)

Comentários