QUEM QUER EVOLUIR NO ESPORTE, NÃO PODE ESQUECER DISSO!

Treinamento funcional, treino funcional na mooca, surf treino, treino para o surf, treinamento para surfistas, pilates na mooca, pilates para o surf, treino surf equilibrio, acupuntura para esportistas

Vamos falar um pouco mais sobre os preceitos éticos dentro da prática do Yôga?

No meu último texto falei sobre Tápas ou autossuperação. Hoje vou falar sobre autoestudo ou Swádhyaya.

O praticante de Yôga ou de qualquer esporte deve buscar o autoconhecimento mediante a observação de si mesmo.

Swádhyaya é o estudo de si mesmo. Por meio de uma análise rigorosa sobre o nosso desempenho, desenvolvemos estratégias para evolução, quer seja ela física, esportiva ou comportamental.

Patanjali deixa claro a diferença entre nossa verdadeira natureza e nossa situação transitória, quando no terceiro sutra do primeiro capítulo do livro Yoga Sutra de Patanjali, diz: “Tada drastuh svarupe vasthanam”, ou seja, “Então o observador repousa em sua própria natureza”, mostrando que existem duas realidades diferentes; uma é a que verdadeiramente nós somos, e esta durará eternamente. E a outra é a que nós estamos e esta é transitória.

Também obtém se o autoestudo pela prática da concentração (dháraná) ou meditação (dhiána).

Quando praticamos esporte com o intuito de aprimoramento, devemos, o tempo todo estar atentos ao swádhyaya, estando sempre concentrados e focados no que esta sendo ensinado e no que estamos executando para que assim possamos obter uma percepção maior do todo. Da mesma forma devemos trazer esse autoestudo para o dia a dia mesmo nas atividades ou ações mais simples ou nas relações com outras pessoas, no intuito de sempre podermos avaliar nossas ações e atitudes, para que possamos seguir sempre em um processo de aperfeiçoamento pessoal.

Para que possamos colocar em prática isso como exercício irei sugerir uma atividade bem simples que irá envolver além do auto estudo, também o treinamento de Tápas (autossuperação), que já falamos anteriormente e Santôsha que é o contentamento.

Você irá fazer o seguinte:

Procure ficar apenas um dia sem reclamar, de nada, nem de ninguém.

Se você conseguir passar por essa primeira etapa tente ficar mais um dia, e assim sucessivamente até conseguir ficar 21 dias sem nenhum tipo de reclamação.

A cada vez que você reclamar pare e reflita o porquê de estar reclamando e pense se o problema está fora ou dentro de você!

espaço sattwa, yogaFabrício Ferrari, Instrutor de Swásthya Yôga, Sócio Proprietário do Espaço Sattwa e Músico. Minhas paixões: ensinar, bicicleta, cantar e tocar. Maior desejo: proporcionar a autossuperação dos meus alunos.

.

Deixe seu comentário =)

Comentários